De uma forma simples, Storage é o processo de armazenamento, onde serão centralizados os dados e a informação de uma empresa. Este mecanismo permite guardar e reter dados, temporariamente ou permanentemente numa unidade física que pode ter muitos discos, servindo, de igual modo, como unidade de arquivo, repositório de backup ou, ainda, área de partilha e colaboração.

 

Apesar de as pens e os discos rígidos serem uma componente fundamental da maioria dos devices, dado que permitem guardar todo o tipo de informação, na atual sociedade não bastam, devido ao crescimento explosivo do volume de informação que é gerado dentro das empresas. É, igualmente, um dos principais componentes dos Data Centres.

O principal objetivo de um Storage passa por expandir a capacidade e performance de armazenamento sem que tenha um impacto direto na produção, ou seja, permitir um armazenamento inteligente de dados.

Existem dois principais tipos de armazenamento:

  • Volátil (Memória): Requer um fornecimento contínuo de eletricidade para armazenar os dados. Funciona como o armazenamento primário de um computador, retendo temporariamente os dados e lidando com cargas de trabalho da aplicação.
  • Não Volátil: Este, por sua vez, retém dados digitais, mesmo não estando conectado ou não recebendo energia elétrica.

Este conceito é, frequentemente, confundido com a memória. Contudo, a memória refere-se à localização, a curto prazo, de dados temporários (armazenamento volátil). Ao invés de que o armazenamento, guarda dados a longo prazo. Ainda, a memória é desmarcada sempre que um computador é desligado, já os dados armazenados são guardados e permanecem no seu estado até que sejam apagados permanentemente de forma manual.

Os dispositivos de armazenamento, também variam consoante a sua necessidade e características:

  • Internos– se fizerem parte do hardware do computador;
  • Externos- se forem instalados fora do computador;
  • Removíveis- se poderem ser ligados ou extraídos sem abrir o computador;
  • Virtual ou Online- permitindo o acesso aos dados a partir de vários dispositivos (Cloud).

Dispositivos de armazenamento mais comuns:

  • Discos rígidos;
  • PenDrive;
  • Discos CD-ROM;
  • Discos Blu-Ray;
  • Cartões de Memória;
  • Cloud.

Tipos de Storage:

Direct Attached Storage (DAS)

Unidades de armazenamento externas conectadas diretamente a computadores. Funciona, basicamente, como um disco complementar de armazenamento ou, seja, uma extensão. Em termos de especificidades, oferece grande versatilidade para armazenamento de grandes volumes de dados, aumenta a performance de algumas aplicações, pode realizar back up e, ainda, partilha de dados entre computadores conectados. Como exemplo deste tipo de Storage, temos as pendrives e hard disks baseados em portas USB.
As aplicações executadas por Storages DAS estão relacionadas à retenção de dados e/ou aumento de performance de softwares que utilizam, frequentemente, acesso a discos, como backup de diversos computadores ou compartilhar dados em rede local.

Network Attached Storage (NAS)

Sistema de armazenamento conectado, diretamente na rede local, funcionando como um hard disk de rede e como um servidor de arquivos, que centraliza e conserva os dados de forma organizada. Com este sistema, existe a possibilidade de partilhar e gerir todas as informações armazenadas por todos os utilizadores, de forma racional, utilizando serviços de segurança como acesso protegido por login e senha de atividade por utilizador. Ainda, realiza o armazenamento de dados via bloco e não via arquivo como no DAS, permitindo uma gestão mais eficaz, de forma simples e versátil.

Storage Area Network (SAN)

Disposta, normalmente, em infraestruturas de Tecnologias de Informação dentro de empresas e Data Centres, SAN é uma rede de armazenamento dedicada, composta por servidores e Storages que se encontram interligados através de conexões IP. O SAN procura simplificar e consolidar a produção de dados, centralizando e melhorando a gestão das informações, com a finalidade de proporcionar uma maior segurança e velocidade no momento de acesso aos dados. Em termos de benefícios, oferece uma maior disponibilidade e resiliência, aumenta o desempenho, a velocidade e a segurança no acesso aos dados armazenados, sendo que se destinam à remoção de pontos únicos de falha.

 

Flash All Storage (FAS)

Sistemas de armazenamento em memória flash/SSD total. Esta solução é a indicada para ambientes onde o número de acessos em simultâneo é muito elevado, como Data Centres.

A ActiveSys é a ideal para a instalação de Storages na sua empresa, através da solução Data Center e Disaster Recovery | ActiveSys – Consulting and Services, Lda e do serviço Activesys Serviços de Engenharia de Sistemas | ActiveSys – Consulting and Services, Lda .

A ActiveSys mantém-no informado.

ActiveSys, we activate your business.