Hoje, a ActiveSys, em parceria com a Aruba, Palo Alto e Commvault realizou um evento de cibersegurança único e inesquecível.

 

Este evento consistiu num passeio com início na ActiveSys com destino final à Régua, percorrendo as margens do Rio Douro em fantásticos modelos da BMW (em parceria com a BMCar).

Um encontro enriquecedor, sempre com boa disposição, que permitiu um contacto mais direto com os nossos clientes, que consideraram este evento inovador. 

O tema da cibersegurança é um tema atual, já que, 2021 foi um ano marcado por ataques massivos a sites e organizações. Portugal ocupa o 31º lugar dos países mais afetados por ataques de ransomware, num total de 101 países, onde os Estados Unidos, o Reino Unido e o Canadá lideram a lista, segundo um estudo da S21sec.

A Pandemia acelerou o processo de digitalização dos negócios. O teletrabalho, a já referida digitalização e a natureza cada vez mais online das vidas, refletem-se em oportunidades para os cibercriminosos que tiram partido das vulnerabilidades das organizações e das inquietações dos colaboradores. À medida que avançamos em 2022, infelizmente não há sinal de abrandamento.

De acordo com o Gartner, após uma empresa ter sido alvo de um ciberataque, cada segundo que passa de inatividade empresarial é crítico e caro, gerando perdas de até cinco mil euros por minuto.

Assim, percebe-se a importância das medidas de prevenção e deteção, como políticas de proteção e disponibilidade imediata dos dados, que depende das cópias de segurança, os chamados backups, e do armazenamento dos dados.

Os especialistas estão cientes de que não podem garantir a segurança de uma empresa a 100%. No entanto, podem neutralizar os seus efeitos, a fim de garantir a continuidade do negócio, ou seja, o principal objetivo passa por aumentar a segurança das organizações.

A proteção das empresas e o investimento em cibersegurança nunca foi tão urgente. O Cibercrime é real e é imperativo que exista uma boa política de segurança implementada.

É fundamental que cada organização entenda a gravidade e a consequência de uma não intervenção e do não investimento em segurança na entidade. As empresas devem adotar uma postura preventiva, visto que o custo de remediar os prejuízos é muito maior do que o valor investido em prevenção, para além de que este investimento mantém a empresa competitiva e confiável.

Se ficou curioso sobre as soluções que os nossos parceiros Aruba, Palo Alto e Commvault oferecem, não hesite em contactar-nos para obter mais informações. 

Prevention & Innovation are the key to the future! 

 

ActiveSys, we activate your business.